Gestão de riscos: 4 dicas para o seu restaurante

Existem muitos detalhes que podem te levar a ter problemas no seu restaurante, e por isso pensar numa gestão de riscos é tão importante. Com alguns cuidados você pode evitar muitos transtornos desnecessários. Você precisa pensar tanto nos clientes quanto nos funcionários ao planejar uma gestão de riscos eficiente para o seu estabelecimento.

Vamos falar aqui de alguns aspectos nos quais você deve prestar atenção na hora de planejar tudo para que seu restaurante esteja o mais seguro possível para todos. Proceder da maneira correta em relação à segurança dos seu cliente e funcionários é importante também porque pode representar futuros prejuízos indesejáveis.

1. Citar alimentos alergênicos comuns no cardápio

Algo que pode parecer um detalhe no seu cardápio, pode ser de extrema importância para os seus clientes. Nem sempre é claro para o consumidor qual alimento possui tal ingrediente ao qual é alérgico.

Por isso é importante que seu cardápio deixe claro quais são os alimentos alergênicos contidos nos pratos. Você não precisa listar todos os ingrediente de todos os pratos. Basta sinalizar os pratos contém ingredientes que são alergênicos mais comuns.

2. Manutenção regular nos equipamentos da cozinha

Uma parte muito importante do seu trabalho são os equipamentos da cozinha. Eles são usados diariamente e precisam estar sempre em perfeito estado. Com o tempo, os equipamentos vão perdendo a eficiência e sofrem danos, o que pode causar algum tipo de acidente com os funcionários.

Então se certifique de que a manutenção dos seus equipamentos está em dia e se lembre de sempre checar se eles não apresentam nenhum tipo de problema. Essa prática pode evitar muitos problemas desnecessários para o seu negócio no futuro.

3. Treinamento regular dos funcionários

Ter equipamentos em perfeito estado é tão importante quanto funcionários que saibam utilizá-los bem. Assim, você deve sempre se certificar de que eles estão bem treinados para o trabalho.

E o treinamento adequado para os funcionários não diz respeito apenas ao uso dos equipamentos, mas também a como proceder em relação aos clientes. Seus funcionários precisam saber como lidar com situações que possam oferecer algum risco para eles.

É importante que estejam preparados para situações de emergência.Caso algo aconteça no seu estabelecimento, é fundamental que todos saibam como proceder corretamente, de modo a minimizar os possíveis danos.

4. Atenção na legislação sanitária

No Brasil, quem cuida da regulamentação de estabelecimentos comerciais é a Anvisa. É ela que fiscaliza a lei sanitária que deve ser seguida por todos os restaurantes. Você com certeza já conhece essa lei, mas às vezes algum detalhe pode passar batido. Principalmente por essa ser uma regulamentação cheia de exigências.

Por isso, você deve sempre se lembrar de ficar de olho para o seu restaurante não estar em desacordo com a lei. Não cumpri-la é muito grave e pode gerar diversos problemas para o seu estabelecimento. Assim, manter o seu estabelecimento dentro da lei sanitária é fundamental e, naturalmente, vai evitar muitos problemas de segurança para os seus clientes.

Vale também um lembrete: nunca fique sem seguro no seu estabelecimento! Lembre-se de contratar um serviço de seguro especializado no seu segmento. O ramo de restaurantes apresenta um risco maior de incêndios, pelo uso constante de fogão, gás e equipamentos como fritadeiras. Além de te fornecer mais segurança, o uso de um seguro especializado é importante para garantir que a operação do estabelecimento poderá ser restabelecida mais rapidamente.

Esperamos que as dicas tenham sido úteis e que ajudem seu negócio. Você já toma esses cuidados no seu estabelecimento? Compartilhe sua experiências no assunto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *