Bom atendimento: fator decisivo para o sucesso do seu restaurante?

Ter um bom atendimento é essencial para um negócio, e isso não é novidade nenhuma. Mas você dá a atenção necessária à relação dos seus funcionários com os clientes? Pode até não parecer, mas esse relacionamento vai além de um sorriso e um “Volte sempre!”.

Seus clientes voltarão apenas se virem no seu estabelecimento algo de valioso. Esse algo pode ser a comida, o ambiente, a variedade do cardápio. Mas tenha tenha certeza de que, se o atendimento não estiver à altura, nada disso vai conseguir se salvar.

Ainda não está convencido? Vamos, então, te mostrar algumas formas como o atendimento é vetor fundamental no sucesso do seu trabalho.

O atendimento reflete a cultura do negócio

A cara do seu negócio vai ser definida muito pela forma como ele se relaciona com o seu público. E com certeza isso será um fator essencial para mostrar da forma certa quais são os seus valores.

O atendimento é, afinal, a forma mais básica de interação entre a sua marca e os clientes. Assim, a impressão deixada pelo atendimento vai refletir o que você quer que eles sintam quando estão comprando de você. Antes de qualquer coisa, comprar comida é um passo para uma experiência. E quanto mais agradável a experiência, mais vezes o cliente vai querer repeti-la.

Isso também reflete o relacionamento da empresa com seus funcionários. Esse conjunto como um todo cria uma atmosfera mais agradável para o cliente, de modo que ele queira estar mais ou menos próximo do seu negócio.

Atrair um público específico

Quando você tem um bom atendimento, bem estruturado, fica mais fácil estabelecer o tom do contato com o público. Consequentemente essa é uma forma de atrair o público que você estabeleceu como o alvo da sua marca.

Assim, a linguagem usada pelos seus funcionários será importante. Um restaurante com funcionários que não sabem agir de acordo com o público com o qual estão lidando perde sua identidade e terá mais dificuldade em reter um público fiel.

A chave é ter um norte em relação ao perfil dos funcionários a serem contratados para lidar com seu público. Isso já vai ser de boa ajuda também para o momento de treinar a sua equipe e fazer as exigências necessárias para o trabalho dela. Se seu público é mais jovem, seus funcionários devem saber como interagir com esse público; se seu restaurante quer passar uma imagem mais formal, é necessário treinar os funcionários da forma mais adequada.

Satisfação em consumir

Cada vez mais, os clientes têm repensado o consumo e a forma como ele acontece. Isso inclui a noção de financiar os negócios em que se acredita. Mesmo que não haja uma consciência unânime do público sobre esse fator, você deve levá-lo em conta.

A ideia é que um bom atendimento pode fazer um cliente acreditar numa marca. Quando os funcionários trabalham mostrando que têm vontade de fazê-lo, acabam por contagiar os clientes com a simpatia. De modo geral isso tem impacto direto na satisfação do cliente com a marca como todo. Muitas pessoas deixam de comprar de uma empresa pela má experiência de compra, ainda que o produto seja bom.

Da mesma forma que o cliente quer comprar de uma marca na qual acredita, quer ser bem tratado e valorizado como consumidor. Há uma certa hesitação em financiar o trabalho de uma empresa que não se preocupa em ter um bom relacionamento com quem compra. É de fato a ideia de que seria necessário a marca querer estar tão perto do cliente como ele está dela.

 

No final de contas o atendimento se mostra como um aspecto fundamental para que haja um bom relacionamento entre marca e clientes. Um restaurante não chega muito longe se seu atendimento não se preocupa com o bem-estar dos consumidores. Estabelecer uma comunicação eficiente entre os dois lados é o caminho mais fácil e eficiente de trabalhar a fidelidade do cliente, que se baseia sobretudo na satisfação em relação ao serviço como um todo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *