Delivery como modelo único?

Fazer delivery já não é uma opção. Hoje todo restaurante que quer estar próximo ao cliente precisa desenvolver um bom serviço de delivery. Surge, contudo, a questão: fazer delivery como modelo único ou híbrido?

Atualmente já é muito comum encontrar negócios que trabalham apenas com vendas para entrega. Ainda que o formato mais tradicional para quem quer fazer delivery seja apostar na combinação dele com o salão. As duas opções são igualmente viáveis e podem ser bem sucedidas. Tudo depende dos objetivos do negócio e do seu estilo de trabalho. 

Nossa ideia aqui é te ajudar a entender qual é a melhor opção para o seu negócio. Queremos que você consiga fazer a melhor avaliação e que encontre a melhor solução para o seu restaurante.

Seu modelo de trabalho

O primeiro ponto para levar em conta é de que forma você pretende trabalhar no seu negócio. Isso tem a ver com o modelo que você vai seguir e com os seus objetivos. Além disso, é importante ter em mente que o ponto em que seu negócio se encontra terá papel crucial.

Isso quer dizer que não adianta querer investir numa estrutura super elaborada sem ter os meios para isso. E não é necessário ter um alto investimento inicial para começar a vender. Iniciar com o delivery pode ser uma solução ou quem sabe apostar num salão mais simples que atenda suas demandas.

De fato, identificar aspectos estruturais do seu negócio de modo realista é a melhor maneira de criar uma estratégia que faça sentido para você. É só assim, também, que você vai estabelecer estratégias que funcionem em qualquer modelo que escolher seguir.

Qual é seu público

Pense bem no público que quer criar para seu restaurante. O perfil dele será muito importante para delinear o que vai funcionar melhor na sua estratégia. Um exemplo: você estará numa região perto de empresas ou com potenciais clientes recorrentes no salão diariamente? Se sim, ter o salão provavelmente vai funcionar muito bem e o delivery vai potencializar seus resultados.

Outro aspecto importante é a perspectiva da área de entrega que você vai conseguir cobrir. Se optar por ter o delivery como modelo único, será fundamental chegar à maior quantidade possível de clientes.

Já que você não terá um espaço físico com o qual se preocupar, terá mais tempo para se dedicar a outras questões estruturais. Por isso é importante entender quantos motoboys serão necessários para atender à sua demanda e não perder nenhuma venda.

E lembre-se que o contato pessoal direto que seu cliente terá durante a compra será apenas com o entregador. Por isso é importante tomar muito cuidado com todos os detalhes envolvendo todo o delivery. 

Estratégias específicas

Cada modelo de trabalho requer estratégias específicas para que tudo funcione da melhor forma possível. O mais importante é entender o que combina melhor com cada situação e qual é a execução mais adequada em cada passo.

Seus clientes com certeza terão exigências especiais, e você precisa se preparar para lidar com elas. E, principalmente, usando os recursos que se encaixam melhor no modelo de trabalho que você usa.

Desde o marketing até a entrega, é importante entender qual é a forma mais adequada de atender seus clientes e fazê-los sentir que você tem exatamente o que eles querem. Por isso, independentemente de ter um modelo único ou híbrido de delivery, pense em como seu cliente se relacionará de fato com o seu negócio. 

As duas possibilidades são igualmente viáveis e podem gerar resultados excelentes para a sua marca. O que de fato importa é a forma como você lida com os processos referentes a cada uma delas. No final, é importante entender quais são as necessidades reais dos clientes e como seu restaurante irá atendê-las.

O que mais importa é adaptar os modelos já conhecidos para que se adequem bem à realidade da sua marca. Essa é uma relação bem criar um sistema mais adequado para o seu público e ter mais controle sobre a sua marca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *