Gestão de resíduos: seu restaurante precisa de uma

Você pensa ativamente sobre a gestão de resíduos no seu restaurante? O descarte adequado dos resíduos produzidos é fundamental e merece um cuidado especial do seu estabelecimento. Há algumas coisas que você pode começar a fazer logo para te ajudar com essa questão no seu negócio. 

É importante pensar, antes de qualquer coisa, que essas mudanças funcionam melhor estando integradas num sistema. Devem fazer parte de uma série de adaptações para que o processo de gestão de resíduos fique muito mais simples. 

A ideia é que você estabeleça processos básicos para a adequação do seu negócio e das normas seguidas por sua política. Essa relação será importante para a padronização do treinamento dos funcionários.

No final, o que importa é que o sistema como um todo seja autossustentável e não tenha espaços que levem a falhas por falta de entendimento dentro do conjunto. 

Por que ter uma gestão de resíduos?

Todo restaurante sofre em certo grau com o descarte dos resíduos produzidos tanto na cozinha quanto pelos clientes. Assim, é importante que esse aspecto também esteja incluído no planejamento na organização do seu negócio. 

Essa prática pode ainda ser uma forma de mostrar que seu restaurante se preocupa com o impacto ambiental que causa. Cada vez mais consumidores se importam com a forma em que as marcas se posicionam em relação à responsabilidade ambiental. Além disso, não há como deixar de lado as proporções grandiosas a que se pode chegar com a produção de resíduos em restaurantes. 

Controle da sobra de resíduos

Não há apenas uma forma de controlar a sobra de resíduos no seu restaurante. Esse é um processo bastante importante, que terá impactos melhores do que você imagina.

Pense na economia que você terá quando tiver um controle próximo da quantidade de alimentos que vai para o lixo no seu restaurante. Tendo essa noção fica muito mais fácil entender o que está sendo bem aproveitado ou não na cozinha. 

Não apenas os resíduos orgânicos podem ser melhor controlados. Ao contrário, também embalagens devem ser descartadas da maneira adequada. É claro que quanto mais você vende, por exemplo, bebidas, melhor. Mas também é fundamental tomar os cuidados adequados para que não seja feito um descarte descuidado do que pode ser melhor aproveitado. 

Logística reversa

Esse é um conceito que diz respeito à ação das empresas para recolher os resíduos produzidos após a venda. Esse processo é mais conhecido para as marcas que trabalham com resíduos eletrônicos ou de alguma maneira tóxicos (produção de eletrônicos, óleos automotivos, pneus, etc.).

Mas os resíduos produzidos nos restaurantes também devem ser levados em conta. Até mesmo porque eles podem ser uma forma de controle para o restaurante. Assim, é importante que seu negócio não deixe o descarte de resíduos sem um controle.

O cliente consome a bebida no salão e depois quem fica responsável pelo descarte é o restaurante. O ideal é que o descarte seja feito no local adequado. E também vale lembrar que é importante fazer a separação dos materiais recicláveis limpos. Ao longo do tempo, não fica complicado fazer isso, se for criado um hábito nos funcionários.  

Tente criar uma consciência nos clientes, para que façam um descarte correto quando compram por delivery. Você não tem como controlar o que os clientes fazem quando consomem fora do estabelecimento. Então o que você pode fazer é usar materiais (como mensagens eletrônicas ou estampadas na embalagem) para incentivar seus clientes a fazer o descarte correto.

Esse tipo de controle em restaurantes é algo que se tornará essencial no futuro e será algo com o que os clientes se importam. Comece a adaptar seu negócio para essa necessidade e esteja preparado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *