Como aproveitar tendências sem riscos

Ter um negócio sempre atualizado em relação às tendências é muito importante, mas pode também ser um fator um pouco perigoso. Isso acontece porque não tem como saber com certeza o que vai de fato permanecer como uma tendência ou o que é apenas uma moda passageira. É, portanto, importante levar alguns aspectos em consideração na hora de aproveitar tendências no seu restaurante.

Já é possível ver alguns casos em que as modas mostraram não ser uma boa ideia para quem pensa em abrir um negócio. Os principais exemplos estão ligados àqueles casos em que se aposta em um novo tipo de comida, que está fazendo sucesso em outros países. 

É claro que essas modas continuam sendo válidas, afinal há uma procura grande num determinado período. A questão, contudo, está justamente na duração dessa procura.

Evitar tendências repentinas

Quando uma tendência surge do dia para a noite, sem que resolva um problema de longa data, é um sinal de que essa não é a solução mais indicada. Esse pode ser apenas um produto que chama a atenção por ser diferente. Logo que não for mais novidade, contudo, pode ser difícil continuar incentivando a procura pelos clientes.

Com isso, é provável que essa opção não se sustente no longo prazo. Até é possível ter uma marca que começa com um produto que está super em alta e depois ir expandindo as ofertas para os clientes. Mas de modo geral, modelos como esse que fazem sucesso são historicamente exceções.

Há diversos exemplos de tendências repentinas que fizeram muito sucesso quando chegaram ao Brasil, mas que em meses já não tinham procura suficiente pelos clientes. Como resultado, as empresas que comercializavam esses produtos enfrentaram uma crise pouco tempo depois.

Aproveitar tendências nos modelos clássicos

Isso tudo, contudo, não quer dizer que você precisa deixar de incorporar as novas tendências no seu negócio. Na verdade, muito pelo contrário. Se você apostar num modelo clássico, é uma excelente ideia incorporar as tendências entre os produtos já conhecidos. 

Isso, inclusive, será uma boa forma de mostrar como a sua marca está incorporada ao mercado e preocupada em inovar. Isso vai gerar uma conexão com os clientes e te colocar numa melhor posição no mercado. 

Avaliar a aceitação dos clientes

Uma boa ideia é incluir o prato novo aos poucos no cardápio. Comece com uma opção e, se a aceitação for boa, você expande as opções oferecidas. Assim, você consegue ter uma noção se vale a pena ou não manter a novidade no cardápio.

Também pode ser uma opção fazer uma pesquisa prévia, para avaliar a viabilidade de desenvolver o produto novo. Dessa maneira, você tem como prever (não de maneira totalmente exata) se a recepção do seu público será positiva. Outro efeito é saber se vale dar atenção a esse produto, se vale esperar um pouco para lançá-lo ou se ele simplesmente não é uma boa ideia. 

O ponto principal para ter em mente se você quer aproveitar tendências, é como torná-las parte dos seu sistema de vendas padrão. Se você ainda vai começar o seu negócio, pode ser uma melhor ideia não optar por investir só num produto que está na moda, mas focar num modelo que você possa sustentar mesmo se a tendência passar rápido. 

Claro que você pode fazer uma divulgação focando num produto específico, mas você terá mais trabalho (e gastos). Isso porque será mais complicado depois para reformular a imagem da sua marca sem associá-la diretamente àquele produto. Começando como uma marca especializada, fica muito complicado se colocar no mercado geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *